Física, matemática e computação algébrica

Física, matemática e computação algébrica

Edgardo Salomon Cheb-Terrab (Maplesoft, Canadá)

Terça-feira, 18/10/2016, às 16h, no Auditório do 6o andar. Entrada gratuita. Não servidores devem apresentar documento de identificação com foto.

Resumo:

Formulaçōes em física sempre envolveram funções matemáticas, equações diferenciais e métodos avançados, da análise tensorial às técnicas da teoria quântica dos campos, por exemplo.

Até pouco tempo atrás, os cálculos associados a tais formulaçōes eram realizados com papel e caneta. Então, os computadores entraram no cenário.

Agora, uma segunda onda de mudanças chega até nós, com o paradigma mudando para a digitalização do conhecimento matemático em ambientes computacionais apropriados, que entendem o quadro conceitual.

A partir disso, o conhecimento digitalizado torna-se vivo, gerando mais conhecimento (e de nível mais alto), a partir das necessidades do pesquisador.

Isso muda completamente a forma de se resolver a formulação de um problema e, às vezes, também a maneira de formulá-lo. Neste Colóquio, pretende-se ilustrar aspectos dessas mudanças, relacionados com funções matemáticas, equações diferenciais e algumas aplicações à física.



Sobre o palestrante:

Edgardo Salomon Cheb-Terrab, pesquisador da Maplesoft, é o principal responsável pelo imenso desenvolvimento da área de equações diferenciais no software de computação algébrica MAPLE --esse aspecto é um dos grandes diferenciais desse produto em relação a outros programas do mesmo tipo.

Salomon Cheb-Terrab também é responsável pela criação e pelo desenvolvimento do pacote PHYSICS (também do MAPLE). Ele se formou como físico na Universidade do Estado do Rio de Janeiro, fez o seu mestrado no Centro Brasileiro de Pesquisas Físicas e o doutorado na Universidade Federal do Rio de Janeiro, tendo sido professor do Instituto de Física da UERJ até 1996.

Trabalhou com supersimetria e sistemas dinâmicos vinculados. Desde 1997, dedica-se à área da computação algébrica, sendo editor da revista Computer Physics Communications e tendo publicado vários artigos relevantes desde então.