XVI BSCG começou na manhã de hoje com recorde de participantes

A ‘XVI Brazilian School of Cosmology and Gravitation’ (BSCG), que começou na manhã de hoje (10/07), no Centro Brasileiro de Pesquisas Físicas, no Rio de Janeiro (RJ), teve procura acima da média: foram 157 inscrições e 107 alunos aceitos. Vindos de diversos países, os alunos ficarão reunidos por duas semanas para cursos e debates sobre os principais assuntos ligados à cosmologia e áreas correlatas.

A programação se estende até 21 deste mês e conta com apresentações e seminários avançados de físicos de vários países, como Itália, Alemanha, Canadá, Reino Unido, Chile, França e Brasil. Ondas gravitacionais, matéria escura e cosmologia física são alguns dos temas que estarão em debate.

 

A escola

Os cursos e seminários avançados abordarão tópicos que vão de matéria escura e lentes gravitacionais a buracos negros e modelos cosmológicos. Todas as atividades são em inglês – a BSCG é uma escola internacional que conta com a participação de pesquisadores e alunos estrangeiros. Da programação, constam cursos de cinco, três e duas aulas, cada uma delas com duração média de uma hora. Os seminários avançados são de dois tipos, segundo a duração: uma hora e meia hora.

 

Banner da 16ª edição da Brazilian School of Cosmology and Gravitation

(Crédito: Divulgação/BSCG)

 

A BSCG é uma iniciativa do Centro de Estudos Avançados de Cosmologia (CEAC) e do Centro Brasileiro de Pesquisas Físicas (CBPF), com o apoio da Financiadora de Estudos e Projetos (FINEP).

Com periodicidade média de dois anos, a BSCG – criada em 1978, como Escola Brasileira de Cosmologia e Gravitação – organiza cursos e seminários de formação e atualização de pesquisadores do Brasil e do exterior. Também participam do evento, como expositores, cientistas de vários países.

 

Reciclagem, debates e formação

A BSCG revelou-se importante fator de aglutinação e reciclagem de pesquisadores da área, bem como local de oportunidade para debates e formação de novos grupos de pesquisa – em especial, no Brasil.

A BSCG tem um comitê internacional de grande representatividade científica, o qual é atualmente constituído dos seguintes membros: Edward Kolb (Universidade de Chicago e Fermilab, EUA); Vitaly Melnikov (Centro para a Gravitação e Metrologia Fundamental, Rússia); Alexander Dolgov (Instituto Nacional de Física Nuclear, Itália); Bahram Mashhoon (Universidade do Missouri, EUA); Ugo Moschella (Universidade de Insubria, Itália) e Mario Novello (Coordenador, CEAC/CBPF).

A cada edição da BSCG corresponde uma publicação editada ou pelo American Institute of Physics (Nova York), ou Cambridge University Press (Reino Unido).

 

Reconhecimento internacional

Hoje, as atividades da BSCG são reconhecidas pela comunidade científica internacional como eventos de excelência e tidas como um instrumento fundamental no treinamento especializado em nível de doutorado e pós-doutorado de jovens pesquisadores – especialmente, brasileiros e latino-americanos.

As edições da BSCG também promovem a integração entre pesquisadores, possibilitando a eles compartilhar suas visões sobre princípios fundamentais e questões de fronteira.

 

Mais informações:

A BSCG : https://www.ceacbrasil.com/bscg/

 XVI edição: https://www.ceacbrasil.com/bscg/xvi-bscg/

Programa: https://www.ceacbrasil.com/bscg/schedule/

Informações: https://www.ceacbrasil.com/bscg/info/