Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

O ‘Ciclo Ciência e Democracia’ começa com tema sobre atual situação da segurança pública

Publicado: Quinta, 23 de Maio de 2019, 16h12 | Última atualização em Sexta, 24 de Maio de 2019, 12h01 | Acessos: 146

No próximo dia de 12 de junho, a partir das 14h, ocorre o lançamento do ‘Ciclo Ciência e Democracia’, no Centro Brasileiro de Pesquisas Físicas (CBPF), no Rio de Janeiro (RJ). O tema da primeira edição é um dos mais preocupantes problemas sociais da atualidade no Brasil: segurança pública. Participarão do evento acadêmicos, especialistas e vítimas da violência.

Com o título ‘Segurança Publica: há solução para a violência no Brasil?’, a primeira edição do evento pretende seguir os objetivos gerais do ciclo: analisar e debater grandes temas sociais da atualidade brasileira, como violência, educação, drogas, feminicídio etc.

 

Participações

Os três cientistas políticos que vão compor a mesa já confirmaram presença:

‒ Jacqueline Muniz, professora do Instituto de Estudos Comparados de Administração de Conflitos, da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ);

‒ Jorge da Silva, professor do Laboratório de Estudos Contemporâneos (Labore/UERJ), coronel reformado da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro e ex-secretário de Estado de Direitos Humanos do Rio de Janeiro;

‒ Orlando Zaccone, professor da Faculdade Cândido Mendes, da Academia Estadual de Polícia Sylvio Terra (Acadepol) e delegado da Polícia Civil do Estado do Rio de Janeiro.

 

A mesa contará também com, pelo menos, dois depoimentos. Um deles (confirmado) é o de Maria Dalva Correa, mãe de Thiago da Costa Correia da Silva (morto na chacina do Borel). Ela é membro do Comitê Estadual de Prevenção e Combate à Tortura e Rede de Comunidades e Movimentos contra a violência. O segundo depoimento ‒ a confirmar ‒ é da mãe de uma policial civil morta em serviço.

 

(Arte: Débora Miranda)

Segunda edição

O ciclo, que ocorre no auditório Ministro João Alberto Lins de Barros, foi idealizado e é organizado pela física teórica Ligia M. C. S. Rodrigues, pesquisadora aposentada do CBPF.

Cada um dos participantes terá de 20 a 25 minutos para uma intervenção inicial, e os depoimentos durarão entre 10 e 15 minutos. Ao fim das falas, será aberta sessão de debate com a plateia.

Serão divulgados em breve detalhes da 2ª edição do ‘Ciclo Ciência e Democracia’ ‒ cujo tema será ‘O passado perdido e o futuro incerto da educação no Brasil’ ‒, marcado para 26 de junho próximo, na mesma hora e local.

 

SERVIÇO:

Evento: Ciclo Ciência e Democracia

Tema: ‘Segurança Publica: há solução para a violência no Brasil?’

Dia: 12 de junho

Local: Auditório Ministro João Alberto Lins de Barros, no CBPF, à rua Xavier Sigaud 150, no bairro da Urca, no Rio de Janeiro (RJ).

Horário: 14h

 

registrado em:
Fim do conteúdo da página