Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página
Últimas notícias

XXI Seminário do Provoc foi cheio de destaques e trabalhos substanciosos

  • Publicado: Sexta, 07 de Dezembro de 2018, 17h02
  • Última atualização em Sexta, 07 de Dezembro de 2018, 17h02
  • Acessos: 944

A convite do Núcleo de Comunicação Social, a equipe responsável pelo Provoc (Programa de Vocação Científica do Centro Brasileiro de Pesquisas Físicas) preparou um balanço do último seminário do programa, com a lista de trabalhos escolhidos pela comissão avaliadora.

 

Nos últimos dias 28 e 29/11, aconteceu o ‘XXI Seminário de Vocação Científica do CBPF’. No encontro deste ano do Programa de Vocação Científica do Centro Brasileiro de Pesquisas Físicas (Provoc), foram apresentados 15 trabalhos no primeiro dia e 17 no segundo, totalizando 32 exposições de 15 minutos (em média), com cinco minutos adicionais para perguntas.

Houve uma comissão de avaliação dos trabalhos, presidida pelo responsável pelo Provoc, o tecnologista Marcos de Castro Carvalho, e composta pelos pesquisadores Gerson Bazo Costamillan, do Instituto Militar de Engenharia (RJ), Sebastião Alves Dias e Sérgio José Barbosa Duarte, ambos do CBPF. O evento foi secretariado e gerenciado pela assistente em ciência e tecnologia Mônica Ramalho Silveira, secretária do programa.

 

Breno Pontes, do Colégio Pedro II, apresentando trabalho sobre radioatividade

(Crédito: J. Ricardo/CBPF)

 

Ao final das apresentações, a comissão se reuniu e escolheu os três melhores trabalhos, premiados com assinaturas eletrônicas da revista Ciência Hoje. Os trabalhos escolhidos foram (em ordem alfabética dos apresentadores) os seguintes:

– ‘O bóson de Higgs e a jornada do estudo da matéria’, por Arthur Tavares Quintão, do Colégio São Vicente de Paulo, orientado pelo pesquisador Arthur Marques Moraes;

– ‘A frequência de assalto à barreira de potencial: um ingrediente essencial nos cálculos das meias-vidas dos processos radioativos’, por Breno Mascarenhas Pontes, do Colégio Pedro II (unidade Realengo), orientado pelo pesquisador Emil de Lima Medeiros;

– ‘Efeitos eletromagnéticos em meios materiais’, por Matheus Costa Stutz de Matos, do Centro Federal de Educação Tecnológica Celso Suckow da Fonseca (unidade Maracanã), orientado pelo pós-doutorando Leonardo Ospedal Prestes Rosas.

 

Mayra Eduarda, do Pedro II, que fez trabalho sobre radiação cósmica de fundo

(Crédito: Mônica Ramalho/CBPF)

 

Menções honrosas

Houve também oito menções honrosas, premiados com livros e citadas a seguir também em ordem alfabética dos estudantes:

– ‘Introdução à relatividade do tempo’, por Arthur Vidaurre de Almeida e Georgia Estrella Liporace Barcelos, do Colégio São Vicente de Paulo, orientados pelo pesquisador Nelson Pinto Neto;

– ‘Modelagem e previsão de sistemas dinâmicos’, por Bernardo Lessa Guerra, do Colégio Pedro II (unidade Centro), orientado pelo pós-doutorando Linneu de Holanda;

– ‘Estudo da adesão celular de pré-osteoblastos em discos de hidroxiapatita adsorvidos com soro fetal bovino’, por Glenda Guimarães Clemente Silva e Larissa Silva das Neves Correa, do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio de Janeiro (unidade Nilópolis), orientadas pela doutoranda Suzana Azevedo dos Anjos e pela tecnologista Elena Mavropoulos;

– ‘Produção e caracterização de fotocatalisadores superparamagnéticos’, por Heloísa Campos Almeida e Bianca de Melo Araújo, do Colégio de Aplicação da Universidade do Estado do Rio de Janeiro, orientadas pela pós-doutoranda Cilene Labre, pela técnica Mariana Giffoni e pelo tecnologista Marcos de Castro Carvalho;

 

Heloísa Almeida e Bianca Araújo, do Colégio de Aplicação da UERJ

(Crédito: J. Ricardo/CBPF)

 

– ‘Degradação de fármacos encontrados em ambientes aquáticos por processos oxidativos avançados’, por Larissa Leal de Lima Gomes, do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio de Janeiro (unidade Nilópolis), orientada pelo tecnologista Marcos de Castro Carvalho;

– ‘Problema restrito de três corpos no plano: redução ao problema de dois corpos num campo de força central e objeto circundante, circunscrito e transpassante a um sistema binário’, por Laura Stolze Lima Portugal, do Colégio São Vicente de Paulo, orientada pelos pós-doutorandos do CBPF Carlos E. Cedeño Montaña e Riccardo Belvedere;

– ‘Aprendendo sobre mecânica quântica a partir de sistemas de dois estados’, por Marina Sangineto Jucá, do Colégio Pedro II (unidade Tijuca), orientada pelo pesquisador Sebastião Alves Dias;

– ‘Introdução a métodos da física através de estudo dirigido em eletrônica’, por Mateus Fernandes Gemelle Leal, do Colégio Pedro II (unidade Humaitá) e Pedro Henrique Alves Lopes, do Colégio Pedro II (unidade Engenho Novo), orientados pelo doutorando André Persechino, com a colaboração do Felipe Pires e Marcos Costa, que integram o grupo do convênio CBPF/Petrobras.

 

Detalhe da audiência, com pais e colegas dos bolsistas de vocação científica

(Crédito: Mônica Ramalho/CBPF)

 

Entusiasmo crescente

A equipe responsável pelo Provoc parabeniza todos os alunos e orientadores que participaram do ‘XXI Seminário de Vocação Científica’. Percebemos, ao longo deste ano, um entusiasmo crescente do CBPF com o Programa, o que resultou numa edição cheia de destaques e trabalhos substanciosos.

Aproveitamos para convidar toda a comunidade do CBPF a se envolver cada vez mais com o Provoc, esforço de nossa instituição para motivar e entusiasmar jovens talentos para a física e para a ciência em geral.

 

Equipe do Provoc

CBPF

 

Mais informações:

Provoc-CBPF: https://portal.cbpf.br/pt-br/educacao-cientifica/provoc

 

registrado em:
Fim do conteúdo da página