Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página
Últimas notícias

Representado pelo CBPF, Brasil estará presente em eventos de astropartículas

  • Publicado: Segunda, 14 de Maio de 2018, 16h15
  • Última atualização em Segunda, 14 de Maio de 2018, 17h24
  • Acessos: 732

O Brasil estará presente a vários encontros na área de altas energias e astropartículas que ocorrem a partir de hoje na Ásia e Europa. O país estará representado pelo Centro Brasileiro de Pesquisas Físicas (CBPF), no Rio de Janeiro (RJ).

Começa hoje, em Chengdu, região central da China, o Fórum Internacional de Física de Astropartículas ‒ cuja sigla, em inglês, é APIF ‒, evento voltado para a discussão, a prospecção e o planejamento de grandes desafios científicos e colaborações internacionais nessa área. Lá, estará o físico experimental Ronald Shellard, diretor do CBPF, que fará a apresentação do projeto Lattes, voltado para a detecção de raios cósmicos e raios gama em energias intermediárias (de 1011 a 1014 elétrons-volts).

Raios cósmicos são núcleos atômicos que bombardeiam a Terra a todo instante, causando, ao colidirem com átomos da atmosfera, uma ‘chuveirada’ de novas partículas que chegam ao solo. Raios gama são a forma mais energética de ‘luz’ (radiação eletromagnética) e, no cosmo, são gerados por eventos cataclísmicos, como buracos negros, pulsares, explosão de estrelas, galáxias em formação etc.

O Lattes (acrônimo, em inglês, para grande rede de telescópios para o rastreamento de fontes energéticas), que está planejado para começar suas atividades por volta de 2020, irá capturar esses eventos por meio de detectores terrestres formados por RPCs (‘células’ a gás) e placas de chumbo, ambos dispostos sobre um recipiente contendo água ultrapura. Além do Brasil, participam desse projeto Portugal, Itália e República Tcheca.

 

Concepção artística do detector empregado no projeto Lattes

(Crédito: www.lip.pt/Colaboração Lattes)

 

No platô

O APIF é um evento promovido pela Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico (OECD). Seu objetivo é reunir representantes da comunidade científica, de governos e agências financiadoras, de países com tradição em investimentos nessa área.

Nesta edição, estarão presentes lideranças dos EUA, da França, do Reino Unido, da Suíça, do Brasil, da Itália, África do Sul, do Japão, da Coreia do Sul, Espanha e de Israel, coordenados por Roger Blandford, do Centro do Acelerador Linear de Stanford (EUA).

No dia 15, haverá uma visita ao Lhaaso (sigla, em inglês, para Grande Observatório de Chuveiros Aéreos a Altas Altitudes), colaboração internacional (em construção) voltada para o estudo de raios cósmicos e gama, localizado em um platô nas proximidades de Chengdu, na província de Sichuan.

 

Concepção artística do observatório Lhaaso, na China

(Crédito: Lhaaso)

 

Via Roma

Nesta sexta (18), haverá, na Agência Espacial Italiana, em Roma, reunião de lideranças para uma discussão ampla dos experimentos sobre raios gama na América do Sul. Nessa oportunidade, Shellard fará a defesa do Lattes, juntamente com outros participantes do projeto, como Mário Pimenta, de Portugal, Alessandro De Angelis e Giorgio Matthiae, ambos da Itália.

Haverá também a apresentação de outros projetos, como o Hawc, observatório instalado no México e que conta com a participação dos EUA.

As discussões girarão em torno de estratégias para a possível construção de um grande observatório de raios gama de altas energias no hemisfério Sul. “A ideia é tentar convergir, para um único projeto, as iniciativas atuais de astropartículas da América Latina”, disse Shellard.

 

Visão geral do observatório Hawc, no México

(Crédito: Hawc)

 

De Vulcano a Praga

Dois dias depois (20), haverá a uma oficina na ilha de Vulcano, no sul da Itália. O ‘Vulcano Workshop 2018’ tratará de uma ampla variedade de temas, de astrofísica e cosmologia a raios gama e neutrinos, passando por matéria e energia escuras, bem como gravidade. Também serão discutidos futuros projetos nesse campo.

Além de Vulcano, o projeto Lattes também será apresentado por Shellard em outra oficina. Dessa vez, em Praga, na Academia Tcheca de Ciências, entre os próximos dias 29 e 30, no ‘6º Encontro Lattes’.

 

Mais informações:

Lattes (em inglês): http://www.lip.pt/experiments/lattes/new.php  

6º Lattes Meeting (em inglês): https://indico.cern.ch/event/703767/overview

Lhaaso (em inglês): http://english.ihep.cas.cn/lhaaso/

Hawk (em espanhol): https://www.hawc-observatory.org/  

XVII Vulcano Workshop (em inglês): https://agenda.infn.it/conferenceDisplay.py?confId=14775

 

registrado em:
Fim do conteúdo da página